Sogrape

Motoristas de matérias perigosas avançam com “greve cirúrgica" em setembro

Motoristas de matérias perigosas avançam com “greve cirúrgica

O Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) vai avançar com uma nova greve entre os dias 7 e 22 de setembro. Contudo, esta não será uma greve plena, mas cirúrgica, uma vez que “incidirá somente sobre as horas de trabalho acima das 8 horas nos dias úteis e sobre trabalho aos fins de semana e feriados”.

O anúncio foi feito esta quarta-feira pelo presidente do SNMMP, Francisco São Bento, que afirmou já ter entregue o pré-aviso de greve. Tendo em conta que se trata de uma paralisação...

Ver Mais

Greve dos motoristas: Governo decretou a requisição civil

Greve dos motoristas: Governo decretou a requisição civil

O Governo recorreu à requisição civil dos motoristas em greve, alegando incumprimento dos serviços mínimos, anunciou, na segunda-feira, Tiago Antunes, secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, após reunião do executivo por via eletrónica.

A greve dos motoristas de matérias perigosas e de mercadorias teve início à meia-noite de segunda-feira, 12 de agosto, por tempo indeterminado.

De acordo com Tiago Antunes, o Governo constatou, particularmente no turno da tarde, que os sindicatos que...

Ver Mais

Greve dos motoristas de matérias perigosas começou esta segunda-feira

Greve dos motoristas de matérias perigosas começou esta segunda-feira

A greve dos motoristas de matérias perigosas e de mercadorias começou à meia-noite desta segunda-feira, 12 de agosto, e decorrerá por tempo indeterminado, estando o Governo pronto para aprovar a requisição civil se não forem cumpridos os serviços mínimos decretados. 

Esta manhã, em declarações aos jornalistas, o representante legal e sindicalista Pardal Henriques, acusou o Governo e as empresas de não estarem a respeitar o direito à greve, afirmando, que, por isso, deverão deixar de cumprir os serviços...

Ver Mais

STCP tem plano "dinâmico e adaptável" em caso de greve

STCP tem plano

Mais de 60% das viaturas da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) são movidas a gás natural ou 100% elétricas, mas a empresa revelou à Lusa ter um “plano de contingência dinâmico e adaptável a diferentes situações”, caso avance a greve dos motoristas de mercadorias, com início previsto para segunda-feira e por tempo indeterminado.

“Concretizando-se o cenário de greve e verificando-se escassez de combustível, a STCP tem já delineado um plano de contingência dinâmico e adaptável a um...

Ver Mais

STCP tem diesel para o "imediato", mas reabastecimento é "essencial e urgente"

STCP tem diesel para o

A Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) garantiu à agência Lusa ter combustível diesel para o funcionamento da sua frota “no imediato” tornando-se, no entanto, “essencial e urgente” o reabastecimento a curto prazo para evitar “potenciais constrangimentos”.

Em causa, recorde-se, está a greve dos motoristas de matérias perigosas, convocada peloSindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP), que começou à meia-noite de segunda-feira, por tempo indeterminado, para...

Ver Mais