RECHEIO 50 ANOS

Túnel de Santo Ovídio encerra na próxima semana

Túnel de Santo Ovídio encerra na próxima semana

A partir da próxima terça-feira, 2 de novembro, o túnel de Santo Ovídio vai encerrar ao trânsito. O corte deve-se ao “desenvolvimento progressivo e ao ritmo cada vez mais acelerado das obras de ampliação da Linha Amarela do Metro do Porto” e estará em vigor durante os próximos 18 meses.

“Vamos proceder ao encerramento do túnel, pois iremos avançar com a ligação da atual estação de Santo Ovídio até à futura estação de Manuel Leão, através da construção de um viaduto de 600 metros e de um túnel de um quilómetro”, avançou Tiago Braga, explicando que “não havia outra alternativa”.

“Para fazermos esta ligação tínhamos mesmo de ocupar aquele espaço quer por questões técnicas – vamos construir uma laje paralela à laje existente, porque vamos alargar aquele canal –, que, por questões de segurança, impediriam qualquer tipo de utilização junto do túnel”, indicou.

Para o presidente do Conselho de Administração da empresa, as obras de ampliação da Linha Amarela representam um “momento marcante” na expansão do Metro.

A ampliação em causa, que vai assegurar um novo trajeto desde Santo Ovídio para as futuras estações de Manuel Leão (subterrânea e localizada junto à Escola Soares dos Reis e ao Centro de Produção da RTP), do Hospital Santos Silva e a Vila d’Este deverá estar concluída “a 31 de dezembro de 2023”, confirmou ainda Tiago Braga.

Para o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, esta é uma “obra absolutamente estruturante” para a Área Metropolitana do Porto. O mesmo entende o presidente do Conselho de Administração da Metro, que afirma que as “coisas ficarão muito melhores para todos” após a obra. “Estaremos a contribuir para a descarbonização, utilizando um transporte como o Metro, que tem uma pegada carbónica muitíssimo inferior à do transporte individual. Esse é o bem maior deste empreendimento”, completou.

De referir que, no âmbito da supressão da faixa de rodagem automóvel no sentido norte no acesso ao túnel de Santo Ovídio, anunciada no início da última semana, também devido às obras de prolongamento da Linha Amarela, a autarquia gaiense havia já anunciado o reforço de policiamento e de transportes públicos.

PUB
 www.pingodoce.pt/responsabilidade/bairro-feliz/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=votacao&utm_campaign=bairrofeliz