PUB
Recheio 2024 Institucional

Obra do Metrobus arranca para nova fase. Anunciados vários condicionamentos de trânsito

Obra do Metrobus arranca para nova fase. Anunciados vários condicionamentos de trânsito

Com a chegada da nova fase da obra de construção da linha Boavista-Império do metrobus do Porto, que arranca esta quinta-feira, dia 9 de março, a partir das 22h00, chega também a informação de novos condicionamentos ao longo da Avenida da Boavista.

Esta fase “consiste na passagem da intervenção do canal central da Avenida da Boavista (anteriormente ocupado por duas faixas BUS e que estava ocupado desde há cerca de um mês) para o lado Sul. Isto nos troços que vão desde a Marechal Gomes da Costa ao Foco e de Bessa Leite até Guerra Junqueiro”, lê-se no comunicado oficial da Metro do Porto. “Ou seja, os trabalhos do metroBus vão agora ocupar as duas faixas ascendentes, sendo que o trânsito automóvel neste sentido (poente-nascente) passa a fazer-se através das duas vias do corredor central. A circulação no sentido descendente mantém-se inalterada”, esclarece a empresa de transporte público metropolitana.

Os trabalhos na via irão decorrer ao “longo dos próximos três meses”, o que vai resultar em condicionamentos de trânsito em vários pontos da Avenida da Boavista. A partir das 22h00 desta quinta-feira e até às 24h00 do dia 7 de maio, estão previstos constrangimentos acontecem no troço compreendido entre a Rua de António José da Costa e a Rua de António Bessa Leite, onde estará proibida a paragem e o estacionamento, exceto a veículos autorizados, no arruamento sul da Avenida da Boavista.

Ainda de acordo com a informação divulgada pela Rádio Nova, com base na Plataforma de Trânsito do Município, também existirá condicionamento de trânsito com estreitamento de via na Avenida da Boavista, no troço compreendido entre a Rua de António Bessa Leite e a Rua de António José da Costa, e será proibida a paragem e o estacionamento, exceto veículos autorizados, na Rua de António José da Costa, lado Nascente, no troço compreendido a Avenida da Boavista e a Rua de António Patrício.

O trânsito estará proibído, exceto cargas e descargas e acesso a garagens, na Rua de António Cardoso, no troço compreendido entre a Avenida da Boavista e a Rua de António Patrício e o condicionamento de trânsito com estreitamento de via da Avenida da Boavista sentir-se-á no troço compreendido entre o n.º 2026 e a Avenida do Marechal Gomes da Costa.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

De acordo com a mesma fonte, estará igualmente proibido o trânsito, exceto cargas e descargas e acesso a garagens, na Rua de Ciríaco Cardoso, no troço compreendido entre a Avenida da Boavista e a Rua de Carlos Dubini, assim como no acesso à Via de Cintura Interna, no troço de ligação da Praça Rotary Internacional à Avenida da Boavista.

Haverá, ainda, a alteração de sentido único no acesso Via de Cintura Interna, para sentido descendente, no troço frente ao n.º 44 e numa extensão de aproximadamente 50 metros (para utilização como acesso à VCI, sentido Ponte do Freixo).

Recorde-se que o metrobus, veículo movido a hidrogénio que irá fazer a ligação entre a Rotunda da Boavista e a Praça do Império, na Foz, espera 5 milhões de passageiros durante o primeiro ano de funcionamento. As intervenções para construção da linha resultam de um investimento de 66 milhões de euros, provenientes do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Foto: Metro do Porto

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz