PUB
Santander Saúde

Candidaturas ao programa “Porto Solidário” arrancam esta terça-feira

Candidaturas ao programa “Porto Solidário” arrancam esta terça-feira

As candidaturas à 10.ª edição do programa municipal “Porto Solidário – Fundo Municipal de Emergência Social”, anunciado pela Câmara Municipal portuense na semana passada, arrancam esta terça-feira, 22 de fevereiro.

Os interessados podem submeter as candidaturas online, através da página da Domus Social ou, presencialmente, nas respetivas Juntas de Freguesia ou através do Gabinete do Inquilino Municipal.

Em causa, recorde-se, está um programa que presta auxílio no pagamento à renda ou à prestação bancária e que se destina a “pessoas ou famílias com dificuldades financeiras e em situação de emergência habitacional”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Nesta edição, “o prazo de concessão passou de um para dois anos”, o que significa que “as famílias passam a contar com o auxílio mensal durante 24 meses”, informou, na altura, a autarquia, adiantando que passou também a ser considerada, como fator de elegibilidade, uma taxa mínima de esforço dos agregados de 25%.

Além disso, também os beneficiários de edições anteriores voltam a ter a oportunidade de se recandidatar, desde que “o apoio atual termine até três meses depois da data de abertura das novas candidaturas”.

Este ano, o município liderado por Rui Moreira prevê a atribuição 2,65 milhões de euros em apoios no âmbito do “Porto Solidário – Fundo Municipal de Emergência Social”.

De referir que desde o arranque do programa, em 2014, já foram apoiadas mais de 3800 famílias com um total próximo de 10,5 milhões de euros.

PUBLICIDADE
PUB
PD- Revista Sabe bem