RECHEIO 50 ANOS

Cães podem ajudar a combater a iliteracia infantil

Cães podem ajudar a combater a iliteracia infantil

Numa altura em que os cidadãos portugueses estão a ler pouco, alguns por falta de tempo e outros por desinteresse para com a leitura, o combate a esta tendência tem sido uma preocupação de inúmeras especialistas, sobretudo pelas repercussões que esta falta de hábito poderá ter junto do público infantil.

Hábitos de leitura dos pais podem incentivar hábitos de leitura aos filhos, mas para que tal aconteça é necessário que, na fase inicial da escola, em que entram na primária, estes não tenham vergonha de ler em voz alta. 

Desta forma, e sabendo que “ler em voz alta” à frente de adultos pode ser uma situação constrangedora, há um projeto que está a desafiar as crianças a lerem para os seus cães, considerados “bons ouvintes” e promotores da “autoconfiança dos mais pequenos”.

Intitulado “Dogphonics”, o projeto, promovido pela Pedigree, pretende, assim, contribuir para a “redução da iliteracia infantil” e, consequentemente, incutir hábitos de leitura na população mais nova.

O desafio passa pela leitura de cinco livros, em voz alta, para os amigos de quatro patas.

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=peixe&utm_campaign=sabordomes