PUB
Recheio 2024 Institucional

Zona da movida com trânsito cortado nas noites de fim de semana

Zona da movida com trânsito cortado nas noites de fim de semana

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
As principais áreas da zona da movida noturna portuense vão estar fechadas ao trânsito entre as 22h00 e as 04h00.

A partir de sexta-feira, a Câmara do Porto vai interromper o trânsito nas principais artérias da movida nas noites de fim de semana, alertando os cidadãos para a “fiscalização e recurso a reboques”, de forma a “desencorajar” o estacionamento indevido.
Segundo informou a autarquia, em comunicado, “o corte total de trânsito” decorre entre as 22h00 e as 4h00 nas ruas de Santa Tereza e das Carmelitas, entre a Rua dos Clérigos e o Carmo, no âmbito do projeto “Move Porto”, que levará o metro a operar 24 horas por dia às sextas, sábados e vésperas de feriado, até 1 de novembro, com composições a cada 20 minutos. Em declarações à Lusa, a câmara explicou ainda que, para viabilizar as alterações, a Rua Ferreira da Silva passará a contar com dois sentidos, “a título permanente”, para permitir, “a prazo”, a pedonalização das ruas das Carmelitas, Cândido dos Reis e Galerias de Paris. De referir também que os parques de estacionamento do Silo-Auto, da Praça Carlos Alberto e dos Clérigos vão estar abertos toda a noite, sendo que o parque do estádio do Dragão funcionará igualmente em horário noturno, com um custo de 25 cêntimos (a noite toda).
Os cortes de trânsito vão manter-se, pelo menos durante a fase experimental do “Move Porto”, iniciativa destinada a “proporcionar mobilidade em transporte público aos que trabalham nas madrugadas de fim de semana no centro do Porto, mas também aos que pretendem usufruir da animação noturna da cidade”. O projeto visa também aumentar o sossego dos moradores, “que se queixavam de ruído dos automóveis, da invasão de carros e do estacionamento anárquico, que chegava a impedir a entrada e saída de garagens e o socorro”.

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem