PUB
Sogrape - Mateus Rosé

Via Navegável do Douro teve 1,2 milhões de turistas em 2017

Via Navegável do Douro teve 1,2 milhões de turistas em 2017

A entidade que gere a Via Navegável do Douro anunciou ter registado em 2017 um recorde de passageiros, com cerca de 1,2 milhões de turistas nas embarcações que cruzam este rio.

Segundo a Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL), houve um crescimento de 35% face a 2016, número que “supera todas as expectativas”, já que a entidade previa fechar o ano passado com um milhão de passageiros.

A gestão da Via Navegável do Douro passou para a APDL em 2015 e desde então o transporte de passageiros naquele canal registou “um incremento de 78%, ou seja, mais 560.999 turistas”.

A APDL quer continuar a “potenciar o tráfego de passageiros marítimo-fluvial” e espera ultrapassar, em 2019, a barreira dos 1,3 milhões.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

O transporte de mercadorias também registou um aumento exponencial em 2017, com cerca de 52 mil toneladas de carga movimentada, o que representa um aumento de 66% face ao ano anterior.

A principal mercadoria transportada na Via Navegável do Douro foi o granito, proveniente dos portos comerciais da Várzea e Sardoura, para exportação com destino, maioritariamente, aos Países Baixos, Alemanha e Suécia.

Em 2017, cruzaram o Douro 149 embarcações, de 61 operadores, com turistas provenientes, maioritariamente, do Reino Unido, Alemanha e França, que optaram por viajar em pequenas embarcações, cruzeiros de um dia ou barcos-hotéis, e por programas que vão desde uma hora até uma semana.

A Via Navegável do Douro, que vai desde Barca de Alva até ao Porto, abriu em toda a extensão em 1990.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile