PUB
Recheio 2024 Profissional

Vereador do Urbanismo do Porto recusa demitir-se

Vereador do Urbanismo do Porto recusa demitir-se
O vereador do Urbanismo da Câmara do Porto, Manuel Correia Fernandes, rejeitou, esta terça-feira, o apelo feito pelo vereador Ricardo Almeida, do Partido Social Democrata, para apresentar a sua demissão, devido a divergências com a empresa Porto Vivo – Sociedade de Reabilitação Urbana (SRU).

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Correia Fernandes, que pertence ao Partido Socialista, afirmou que “não teria condições para ser vereador se não houvesse certezas de que a SRU regressa ao município”. Para o vereador do Urbanismo, as condições para o exercício do cargo existem porque, no âmbito do Acordo do Porto assinado com o Governo, está prevista a municipalização da SRU e, nessa altura, todas as competências da empresa, mesmo as que lhe foram atribuídas pela lei que a criou, passam para a alçada da autarquia. Já o vereador social democrata afirmou que se verificou a existências de “um divórcio entre o vereador do Urbanismo a cidade”. “Correia Fernandes disse que não teve esclarecimentos [da SRU]. Isto são afirmações gravíssimas. Deve haver consequências políticas destas afirmações”, defendeu.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem