CMPorto

Valença transforma-se em cidade presépio até janeiro

Valença transforma-se em cidade presépio até janeiro

Até dia 6 de janeiro Valença é uma cidade presépio com várias instalações artísticas no município. Segundo a nota de imprensa, destaca-se um presépio em madeira, com uma altura média de 2,5 metros, com 5 toneladas e oito peças.

No Largo da Trapicheira, em plena área central da cidade, as oito figuras representam o menino Jesus, Nossa Senhora, São José, os Reis Magos, o burro e a vaca. “As peças estão esculpidas em madeira de plátano, a moto-serra e este ano foram enriquecidas com as duas últimas peças a vaca e o burro, pela mão do artista plástico António Nunes”.

Por sua vez, na avenida dos Combatentes da Grande Guerra (Cristelo) está presente uma exposição coletiva de 20 presépios criados pelas associações e instituições valencianas. “Este ano, pela primeira vez, as instalações artísticas dos presépios foram concentradas na principal avenida de acesso à Fortaleza permitindo outra visibilidade a estes trabalhos”, revela o documento.

Para o presidente da Câmara, José Manuel Carpinteira, “os presépios são um convite irresistível para visitar, sentir e viver a magia deste Natal em Valença e uma mostra da capacidade empreendedora e criativa das coletividades valencianas que com tanto brio proporcionaram estas obras fantásticas”.

A mostra coletiva de presépios alarga-se às montras comerciais, tornando Valença a Cidade Presépio até 6 de Janeiro. Nos estabelecimentos comerciais, no interior da Fortaleza e na área urbana do município, os presépios e os motivos natalícios tomaram conta das montras e de muitas fachadas e pórticos do conhecido comércio local.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sabe-bem-poupar-todos-os-dias/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=27012023-edicao71utm_campaign=sabebem