PUB
Junta da Galiza

UEFA abre processo ao FC Porto por atitudes racistas dos adeptos

UEFA abre processo ao FC Porto por atitudes racistas dos adeptos
PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
Em discussão estão os insultos racistas dos adeptos aos futebolistas de origem africana Mario Balotelli e Yaya Touré, que no final do jogo se queixou.
Se a UEFA considerar que os insultos realmente existiram, o FC Porto incorre numa multa de 20 mil euros. Para os casos mais graves, o regulamento disciplinar prevê sanções adicionais, que podem ir de um jogo à porta fechada à desqualificação. Os “dragões” desvalorizaram o caso, defendendo que tudo não passou de um “mal-entendido”, já que os adeptos estavam apenas a incentivar Hulk.
PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile