PUB
PD - Revista Sabe Bem

Trabalhadores da STCP marcam nova greve para dia 26

Trabalhadores da STCP marcam nova greve para dia 26

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
A nova paralisação foi aprovada ontem de manhã, no plenário realizado na Estação de Recolha de Francos.

Os funcionários da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) decidiram agendar uma nova greve para o dia 26 de novembro, novamente em protesto contra o Orçamento do Estado para 2014. A paralisação foi aprovada esta quinta-feira de manhã, durante o plenário que os trabalhadores realizaram na Estação de Recolha de Francos, na sequência de um pré-aviso de greve para o período entre as 8h e as 16h. De acordo com o dirigente do Sindicato Nacional dos Motoristas (SNM), Jorge Costa, os sindicatos foram ainda mandatados para “legalizar novas ações de luta”, no caso de o OE permanecer inalterável. As organizações sindicais do setor dos transportes e comunicações vão reunir-se esta sexta-feira, em Lisboa, para fazer um balanço da quinzena de luta dos trabalhadores.
A greve realizada ontem na STCP teve uma adesão de “80% a 85%”, segundo adiantou o responsável, acrescentando que a paralisação só não foi total porque os “trabalhadores que se encontram em situação precária” não a cumpriram. No centro do descontentamento dos funcionários está “o corte [nos salários] que vai ser aplicado a partir dos 600 euros”, previsto no OE 2014 e que significará, para muitos profissionais da STCP, “uma redução salarial entre 10 a 15%”, traduzindo-se numa perda de entre “100 a 150 euros por mês”.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile