PD - Prémio de Literatura Infantil

Santos & Irmãos

Santos & Irmãos

Com uma marca ímpar na cidade do Porto, a Santos & Irmãos, empresa familiar que, desde 1858, se dedica à produção de molduras tem traçado um caminho de sucesso na história da arte em Portugal. Ao leme da casa, fundada por António dos Santos, está atualmente a sexta geração da família, na qual se inclui Guilherme Monteiro.

Na época, o estudante da então Academia de Belas Artes do Porto ter-se-á deparado com a inexistência, tanto na Invicta como na região Norte do país, de uma casa onde fosse possível encomendar molduras para os seus trabalhos. Imediatamente, colocou mãos à obra e começou a “produzir as suas próprias molduras”, contou à VIVA! o agora responsável, partilhando que o sucesso foi tal que, rapidamente, começou a “receber encomendas dos colegas de curso”.

Estava, assim, dado o primeiro passo para o nascimento daquela que foi “a primeira loja-oficina especializada no fabrico e venda de molduras” do Porto, a Santos & Irmãos, fundada, como o próprio nome indica, com o irmão José dos Santos.

“A inclusão da nossa loja-oficina no Programa «Porto de Tradição» é um importante reconhecimento do nosso trabalho, que é feito de competência, humildade e uma forte vontade em continuar a levar avante uma empresa que é, neste momento, a loja de molduras mais antiga do mundo, sempre na mesma família”.

Guilherme Monteiro

Aqui, é possível encontrar “diversos tipos de molduras, obras de arte e telas para pintura”. Segundo Guilherme Monteiro, os modelos de moldura mais antigos incluem alguns desenhados de artistas portugueses de renome, como Marques de Oliveira, António Carneiro, Henrique Medina, Fernando Lanhas ou Noronha da Costa. Mas é também possível aceder a modelos mais contemporâneos, para as “obras de arte mais atuais”.

A também conhecida “Santos Dourador”, devido ao “reconhecido trabalho com folha de ouro”, evoca uma verdadeira viagem ao passado, uma vez que os proprietários optaram por manter parte do mobiliário original, desde o “balcão com pormenores em talha dourada, fabricado na nossa oficina, à máquina registadora, importada, de barco, dos Estados Unidos”, salientou o responsável.

Em mais de século e meio de existência, pouco se alterou no espaço da Santos & Irmãos, como, aliás, é possível comprovar através de uma imagem, captada em 1912, onde “são facilmente reconhecidos vários objetos que ainda permanecem no espaço”. Uma prova da vontade constante dos proprietários em manter viva e continuar a preservar a “memória de outros tempos”.

Além de objetos, são muitas as histórias que marcam a vida desta casa, situada bem no centro da cidade Invicta, onde os clientes são, sem dúvida, a figura principal. “Existem vários cujas famílias encomendam molduras desde que abrimos, passando também de pais para filhos a sua preferência. Mas, existe uma família que continua a deixar as encomendas em nome da matriarca que nos encomendou a primeira moldura no século XIX”, recordou, orgulhoso do caminho percorrido e dos milhares de clientes fidelizados.

O sucesso, acreditam, estará no “saber-fazer”, seja no fabrico de molduras, no restauro de obras de arte ou no trabalho de dourador, assim como na excelência do balcão de atendimento. “Procuramos uma ligação estreita e harmoniosa entre a obra de arte e a moldura, e este esforço é testemunhado regularmente, sobretudo quando nos procuram para substituir os caixilhos de obras emolduradas noutras casas”.

Para futuro, a Santos & Irmãos vai apostar numa “maior presença nos canais digitais”, estando, inclusive, a preparar uma loja online, financiada exclusivamente através do Fundo Municipal de Apoio aos Estabelecimentos e Entidades Reconhecidas ao Abrigo do Programa Porto de Tradição. 

Santos & Irmãos
Travessa das Liceiras, 1 (junto à Câmara do Porto)
Contacto 222 004 828

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/natal-a-mesa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=181121-sabebem64&utm_campaign=sabebem

Viva! no Instagram. Siga-nos.