PUB
Philips S9000

Santo Tirso vai retirar amianto de oito escolas

Santo Tirso vai retirar amianto de oito escolas

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
A câmara de Santo Tirso anunciou ontem a retirada de “todas as coberturas” que contêm amianto das escolas do 1.º ciclo e do pré-escolar do concelho, num investimento de cerca de 400 mil euros.

“No ano letivo 2015/16, o amianto irá desaparecer das escolas. Trata-se de uma questão de saúde pública e, por isso, nem sequer se questiona a necessidade deste investimento”, afirmou o presidente daquela autarquia, Joaquim Couto.
São oito as escolas em causa, espalhadas por várias localidades de Santo Tirso, com um total de 888 alunos: 660 do 1.º ciclo e 228 do pré-escolar.
O concurso da obra já está a decorrer, de acordo com o município, que espera que “os trabalhos decorram em 2015”.
“Não temos situações muito graves, mas este é um imperativo e a câmara vai assumir as suas responsabilidades”, referiu Joaquim Couto, garantindo ainda que as direções dos estabelecimentos de ensino e os encarregados de educação serão “envolvidos” na discussão da “calendarização” das obras.
As placas de fibrocimento, susceptíveis de conterem partículas de amianto, vão ser substituídas por painéis de chapa ‘sandwich’ com poliuretano injetado, um tipo de cobertura que os responsáveis autárquicos acreditam “cumprir a função impermeabilizante, melhorar significativamente o comportamento térmico e a eficiência energética dos edifícios”.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem