PUB
CMPorto

Santo Tirso anuncia projetos orçados em 1,6 milhões de euros

Santo Tirso anuncia projetos orçados em 1,6 milhões de euros

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
A requalificação da Praça Camilo Castelo Branco, que permitirá dar “melhor imagem à entrada no concelho”, é uma das iniciativas previstas.

O município de Santo Tirso anunciou esta quinta-feira a concretização de projetos que totalizam um investimento de 1,6 milhões de euros, sendo um deles o da requalificação da Praça Camilo Castelo Branco, que dará “melhor imagem à entrada no concelho”.
Segundo reconheceu o autarca local, Joaquim Couto, aquela zona apresentava, até agora, determinados “problemas”, nomeadamente ao nível da rede viária e de congestionamento de trânsito. A empreitada, cujo anúncio para concurso público foi publicado na passada quarta-feira em Diário da República, custará cerca de um milhão de euros, incluindo a criação de novas áreas de estacionamento e corredores pedonais e cicláveis. “Pode dizer-se que será uma nova centralidade de Santo Tirso. Nesta praça também estão localizadas duas peças do Museu Internacional de Escultura Contemporânea. Estamos a falar de uma zona que, para além de ser ponto de entrada e saída de Santo Tirso, tem ali localizada a central de transportes, pelo que o tráfego de camionetas, de autocarros e de pessoas é elevado”, frisou.
De sublinhar que foi também anunciado o concurso público para a concretização do Parque de Geão, cuja obra deverá estar no terreno em 2016, representando um investimento de 650 mil euros. O equipamento ficará instalado em 6,88 hectares de terreno (na zona poente da cidade) que serão convertidos em parque urbano com passagens pedonais, áreas de jogos e recreio ativo, palcos naturais para a realização de ateliers e equipamentos enquadrados com a biblioteca municipal, a escola e as associações locais vizinhas.

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem