Junta da Galiza

Santa Padroeira do Bolhão regressa a casa

Santa Padroeira do Bolhão regressa a casa

Com a proximidade da abertura do Bolhão, esta quinta-feira, dia 15, o Mercado Temporário encerrou as portas este sábado. Para assinalar a data foi realizado o transporte da Nossa Senhora da Conceição, “protetora dos comerciantes”.

A missão ficou a cargo de Emília Augusto, a veterana comerciante da banca Artesanato Miló, que confessou ter entrado no Mercado do Bolhão com 12 anos. Hoje, aos 82, compara o emblemático edifício a uma “escola”.

O transporte da padroeira, que esteve na companhia dos comerciantes históricos desde 1968, suscitou curiosidade de transeuntes e turistas, que esperavam ser este fim-de-semana a inauguração do espaço.

Foco de devoção de muitos, a imagem da Nossa Senhora da Conceição esteve durante quatro anos presente no Mercado Temporário do Bolhão (MTB), que acolheu comerciantes e clientes enquanto decorreu o restauro e modernização do edifício histórico. A Câmara do Porto avança, inclusive, em nota de imprensa, que 6,5 milhões de pessoas visitaram o MTB.

Recorde-se que a Nossa Senhora da Conceição do Bolhão foi encomendada por um grupo de vendedoras do mercado ao arquiteto Bernardino Basto Fabião, tendo para isso contado com o apoio financeiro da autarquia.

Foto: Filipa Brito

PUB
www.pingodoce.pt/produtos/comida-fresca-takeaway/encomendas/menu-seleccao-do-chef/menu-dia-dos-namorados-3/?utm_source=cm&utm_medium=cpc&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=diadosnamorados&utm_campaign=menudochef