PUB
Recheio 2024 Institucional

Rui Moreira quer Centro Materno-Infantil “de pedra e cal” na cidade do Porto

Rui Moreira quer Centro Materno-Infantil “de pedra e cal” na cidade do Porto

O autarca portuense garantiu que o município “está atento” e não quer que o centro hospitalar “perca competências”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

O presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, afirmou esta segunda-feira que o Centro Materno-Infantil do Norte (CMIN), e respetivas competências, devem permanecer “de pedra e cal” na cidade do Porto. Na sequência de uma visita ao equipamento, o autarca assegurou que o município “está atento” e “não quer que este centro hospitalar perca competências”. “Isto foi uma questão que envolveu muitas pessoas da cidade (…). Envolvi-me, envolveu-se Manuel Pizarro, Sollari Alegro, todos nós nos envolvemos nisto e portanto queremos que isto fique aqui, de pedra e cal”, afirmou. O presidente do Centro Hospitalar do Porto (CHP), Sollari Alegro, também presente na visita, confirmou manter-se a previsão de entrega do edifício do CMIN, previsto desde 1991, “no fim de dezembro”, seguindo-se uma fase de mudanças, que deverão estar concluídas “no fim de março” de 2014.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz