PUB
Junta da Galiza

Rendas no Porto aumentaram 20%

Rendas no Porto aumentaram 20%

Nos primeiros três meses de 2018, o preço das rendas no Porto subiu 20%. Esta foi a maior subida dos últimos sete anos.

Desde 2015 que a tendência de subida de preços tem-se mantido. A nível nacional, o preço das rendas aumentou em média 13%, desde o início do ano.

No entanto, em Lisboa e no Porto, o preço das rendas aumentou cerca de 20% nos três primeiros meses do ano.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Esta foi a maior subida dos últimos sete anos, e Lisboa e Porto estão agora lado a lado no aumento de preços no mercado de arrendamento, revela o jornal “Diário de Notícias”.

Além disso, o tempo que os senhorios esperam para ter um novo inquilino tornou-se cada vez mais curto.

Segundo dados da Confidencial Imobiliário, em 2013 um proprietário do Porto esperava em média cinco meses até conseguir encontrar um inquilino e em Lisboa ou Sintra eram necessários três meses.

Mas, entre janeiro e março deste ano, em média, as casas ficaram “vagas” menos de dois meses. Este prazo médio, medido pelo Sistema de Informação Residencial da Ci, é semelhante quer se trate de Lisboa ou Porto ou das periferias como Matosinhos, Maia, Amadora ou Oeiras.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile