PUB
Recheio 2024 Institucional

Queimódromo poderá ser espaço polivalente

Queimódromo poderá ser espaço polivalente

O documento não especifica os planos da autarquia para o equipamento, mas no contrato-programa com a câmara menciona-se que a empresa deve “assegurar a ocupação de 250 dias nas plataformas sob a sua gestão (Pavilhão Rosa Mota e Queimódromo)”. A utilização futura do Queimódromo deverá, assim, passar sempre pelo estudo de soluções que potenciem as receitas da câmara. “Dotar o Queimódromo de infraestruturas que lhe permitam uma ocupação diferenciada e permanente, vocacionada para a população em geral, através da conjugação de várias valências num mesmo espaço poderá ser também uma destas soluções”, pode ler-se nos instrumentos previsionais da Porto Lazer.
Neste momento, o equipamento está a ser palco do Porto Extreme Spot, espaço dedicado à aventura e aos automóveis, através do qual a Porto Lazer pretende testar “a viabilidade e o real potencial de uma utilização deste género ou similar”.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem