PUB
CIN Woodtec

“Portugal está bem mais próximo de ultrapassar esta crise”, disse Passos Coelho

De acordo com o primeiro-ministro, o cumprimento dos compromissos do país será fundamental para que seja possível “restaurar a credibilidade” junto dos parceiros e investidores. Em tom de balanço, Passos Coelho afirmou ainda que existem “sinais extremamente positivos” do desempenho português, nomeadamente o ajustamento do défice externo, o bom comportamento das exportações e as avaliações positivas feitas pela troika (Fundo Monetário Internacional, Comissão Europeia e Banco Central Europeu).
O desemprego continua a ser um dos “resultados menos bons”, embora seja “uma consequência esperada da crise económica”. Assim sendo, o chefe de Governo deixou uma palavra de incentivo aos cidadãos que estão, neste momento, sem emprego. “A todos os que estão hoje desempregados quero deixar uma palavra de encorajamento e a minha garantia pessoal de que tudo continuaremos a fazer para que estes momentos difíceis sejam ultrapassados tão rapidamente quanto possível”, assegurou.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

PUB
PD-Bairro Feliz