PUB
PD - Revista Sabe Bem

Projeto inclusivo em Gaia desperta o “bichinho” da música a 57 jovens

Projeto inclusivo em Gaia desperta o

A Orquestra Juvenil de Gaia (OJG), a funcionar na escola básica de Santa Marinha (Escola das Artes) conta, nos dias de hoje, com 57 jovens de todo o concelho. Segundo a nota de imprensa, não há qualquer pré-requisito para participar no projeto, que se desenvolve “sempre em contexto escolar”.

O objetivo é despertar o «bichinho» da música nas crianças e jovens e promover a participação daqueles que “não têm a possibilidade de ter acesso à fruição musical de outra forma”. Esta é assim uma oportunidade “única” e gratuita de “partilha de experiências culturais e de dinâmicas de aprendizagem”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Atualmente com 31 escolas envolvidas, a Orquestra funciona às quartas-feiras, entre as 17h30 e as 20h, com “uma equipa composta por 21 professores, desde o ensino público a músicos, distribuídos por diferentes áreas: sopros, violinos/viola d’arco, contrabaixo, violoncelo, guitarras/cavaquinhos, percussão, teclas, diretor artístico e gestão”.

Referir que a Câmara Municipal de Gaia disponibilizou para o corrente ano de 2023 uma verba financeira de 15.250 euros. O projeto recebe ainda o apoio do Ministério da Educação (atribuição de crédito de horas a professores), da Junta de Freguesia de Canidelo (transporte do equipamento), da Fundação PT (apoio ao longo de três anos) e da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem