PUB
Santander Saúde

Projeto de combate à exclusão social nasce em Matosinhos

Projeto de combate à exclusão social nasce em Matosinhos

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
A Câmara de Matosinhos, a Universidade Católica do Porto e a associação Incentivar a Partilha vão assinar, esta terça-feira, um protocolo que irá criar um CIaP – Centro Incentivar a Partilha na antiga escola primária da Cruz de Pau, recentemente encerrada.

De acordo com a autarquia, que cede o edifício, “trata-se de um projeto de combate à exclusão social que incentiva a partilha de recursos, a empregabilidade e o empreendedorismo social de base comunitária”.
Beneficiando, para já, do trabalho de duas dezenas de organizações e projetos, e da experiência do Centro Regional do Porto da Universidade Católica Portuguesa, no domínio da incubação de empresas em ambiente multissectorial e da Economia Social, o CIaP da Cruz de Pau oferecerá “um vasto conjunto de valências à população”, que vão desde o aconselhamento de famílias pobres endividadas, a ações de promoção da literacia e da cidadania digital, mas também na área do nano e microcrédito, no combate ao desperdício e ao absentismo e insucesso escolar, no apoio a reclusos e sem-abrigo ou no domínio da educação para o empreendedorismo.
O CIaP da Cruz de Pau disporá ainda de um espaço de incubação multissectorial (destinado a empresas de base tecnológica, indústrias criativas e empresas sociais), um espaço oficinal de uso partilhado, áreas de formação e um espaço de encontro, de partilha de conhecimentos e de experiências, e de desenvolvimento de trabalho em parceria entre pessoas, organizações e projetos com sentido de responsabilidade social.
Tendo em conta as “características inovadoras” do projeto, os seus promotores esperam que “venha a ser possível a sua futura replicação noutros locais, beneficiando da experiência que o funcionamento do CIaP da Cruz de Pau venha a permitir acumular”.

PUBLICIDADE

PUB
Prémio Literatura Infantil Pingo Doce