PUB
Recheio 2024 Profissional

Porto, Gaia e Matosinhos recebem festival de dança

Porto, Gaia e Matosinhos recebem festival de dança

O DDD – Festival Dias da Dança acontece entre os dias 18 e 30 de abril nas principais salas das três cidades do Porto, Gaia e Matosinhos. Esta será a 7.ª edição do festival e contará com estreias mundiais e nacionais durante os 13 dias do evento.

No total “serão apresentados 28 espetáculos”, em 14 palcos “distribuídos pelo Porto (Rivoli, Campo Alegre, CAMPUS Paulo Cunha e Silva, Serralves – Museu de Arte Contemporânea, Coliseu Porto Ageas, Palácio do Bolhão, Estação de Metro de São Bento, Avenida dos Aliados, Alameda das Fontainhas, Parque da Cidade), por Matosinhos (Teatro Municipal de Matosinhos Constantino Nery, Casa da Arquitectura) e Gaia (Auditório Municipal, Afurada)”, contando com a participação de 65 companhias/artistas “consagrados e emergentes de nove nacionalidades (Portugal, França, Alemanha, Itália, Albânia, Turquia, Cabo Verde, Brasil, EUA)”, lê-se no comunicado oficial enviado à VIVA!.

O espetáculo de abertura tem lugar no Teatro Rivoli, a 18 de abril, às 21h30, com a estreia nacional de “Encantando”, de Lia Rodrigues, em coapresentação com a Culturgest. “Uma coreografia fascinante para 11 intérpretes e muitos tecidos, na qual forças, como os ‘encantados’, viajam pelos corpos em palco”, sendo que remete à cultura afro-brasileira onde os “os encantados” são entidades animadas que navegam entre céu e terra, dunas e rochas, transformando-os em lugares sagrados”. Esta peça repete-se no dia 19, numa sessão com audiodescrição, pela mesma hora.

Em parceria com o Balleteatro, destaque para o DDD Corpo + Cidade estreia “B Girls” de Max Oliveira, “onde quatro B-girls fazem uma intervenção urbana, entendendo e evocando um espaço criativo onde o feminino é voz, corpo, som e ordem/desordem”. A apresentação tem lugar na Avenida dos Aliados, às 18h00 do dia 21 de abril.

Da vasta programação destaca-se ainda “ARA! ARA!” que acontece no Palácio do Bolhão, nos dias 21 e 22 de abril, e “dalila”, que mostra um “corpo contemporâneo que propõe uma nova forma de existir numa linguagem tão rígida e limitada, como o corpo clássico”, e terá lugar no Auditório Municipal de Gaia, às 17h00 do dia 25 de abril, e às 19h30 do dia 26.

De volta ao palco do Rivoli, nos dias 29 e 30 de abril, às 21h00 e 15h00 respetivamente, é exibida “A Sagração da Primavera”, o bailado de Stravinsky originalmente coreografado por Nijinski.

Também no Dia Mundial da Dança, 29 de abril, destaque para o “Art Liberates Ball”, organizado pela Vogue PT Chapter, de Mother Nala Revlon & Piny 007, que visa “criar terreno para que a comunidade se desenvolva com consciência política e social”, celebrando a arte “como uma das maiores formas de liberdade, de expressão, de criação e de resistência”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Ao longo do evento, será também possível participar em vários workshops com profissionais das artes performativas de renome nacional e internacional.

A programação encerra com a “linguagem artística amadurecida”, da companhia de Catherine Gaudet, bailarina e coreógrafa, que “procura um espaço dentro dos corpos, onde os desejos possam renascer apesar do fardo da constrição”.

Os bilhetes podem ser comprados na bilheteira online, na bilheteira central do DDD, no Teatro Rivoli e nas bilheteiras dos respectivos espaços de apresentação. O preço varia entre os 7 e os 12 euros, consoante o espetáculo, e cada espaço tem a sua própria política de descontos.

Segundo a mesma fonte, os espetáculos no espaço público, Corpo + Cidade; as festas no TMP Café; e “Serei/Afrodiaspórica”, de Dori Nigro, na Casa da Arquitectura, são de entrada livre.

Pode consultar aqui o programa completo.

Foto: Sammi Landweer

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz