PUB
Santander Saúde

Porto de Leixões movimentou 8,8 milhões de toneladas no primeiro semestre de 2014

Porto de Leixões movimentou 8,8 milhões de toneladas no primeiro semestre de 2014
De acordo com os dados hoje divulgados pela APDL, o Porto de Leixões atingiu nos primeiros seis meses de 2014 “um valor recorde de 8,8 milhões de toneladas” de mercadorias movimentadas, um aumento de “4,2% face ao período homólogo do ano anterior”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Para a Administração dos Portos do Douro e Leixões (APDL), este crescimento foi “alicerçado no aumento de 9% das exportações”. Angola (mais 19%) e França (43%) foram “os países de destino que mais contribuíram” para o aumento.
No que diz respeito aos materiais mais exportados, aquela entidade destaca “o crescimento verificado nos cubos de granito (mais 24%) e no papel e cartão (mais 37%)”.
A APDL refere que “a evolução do semestre foi positiva na carga contentorizada (mais 8%), nos granéis líquidos (3%) e no Ro-Ro, com mais 835%”, segmento cujo “forte crescimento posicionou Leixões em primeiro lugar no ranking nacional”.
O serviço Ro-Ro liga os portos de Leixões e Roterdão através de um navio que opera no terminal multiusos beneficiando da sua rampa de 26 metros, explica a APDL.
“Por outro lado, verificaram-se quebras nos granéis sólidos (menos 11%) e na carga fracionada (menos 2%). O movimento de contentores registou um aumento de 10%”, acrescenta a APDL.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz