PUB
Prémio Literatura Infantil Pingo Doce

Polo da Universidade das Nações Unidas em Guimarães oficializado segunda-feira

Polo da Universidade das Nações Unidas em Guimarães oficializado segunda-feira

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O acordo para instalação em Guimarãoes de uma unidade operacional da Universidade das Nações Unidas, dedicada à governação eletrónica, será assinado no dia 4 de agosto.

De acordo com o gabinete de Poiares Maduro, ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional, o acordo estabelecerá as condições para a cedência e utilização, por parte daquela Unidade Operacional de Governação Eletrónica Orientada para Políticas, de um piso do Centro de Pós-Graduação do Campus de Couros da Universidade do Minho (UMinho).
O acordo será assinado pelo ministro, pela Câmara de Guimarães e pela UMinho.
A unidade operacional terá funções de ensino e de investigação, estando especificamente direcionada para o governo eletrónico.
Com esta decisão de instalar o polo da Universidade das Nações Unidas em Guimarães, o Governo “dá um sinal claro de descentralização de serviços e competências, para além ser contribuir para a criação de massa crítica” naquela área, disse fonte ministerial.
Na mesma ocasião, será celebrado um outro protocolo, entre a Câmara de Guimarães, a Agência para a Modernização Administrativa (AMA) e a UMinho, para instalação de uma unidade de desenvolvimento da AMA também no polo de Couros daquela universidade.
Será um serviço desconcentrado da AMA, que permitirá realizar investigação aplicada na área do governo eletrónico, bem como participar em projetos da UMinho naquela área.
“Com esta iniciativa, o Governo pretende dar um impulso ao desenvolvimento do governo eletrónico em Portugal, mas também contribuir para a criação no país de um centro de excelência internacional nesta área”, explicou a mesma fonte.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz