CMPorto

Partido Socialista vence legislativas com maioria absoluta

Partido Socialista vence legislativas com maioria absoluta

No último domingo, os portugueses dirigiram-se às urnas para elegerem o partido que deve formar Governo nos próximos quatro anos, elegendo, assim, os 230 lugares de deputados da Assembleia da República.

De acordo com os resultados provisórios da Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna (MAI), o Partido Socialista (PS) conquistou a maioria absoluta, com 41,6% e 117 deputados, enquanto o Partido Social Democrata (PSD) ficou em segundo lugar, com 27,8% e 71 deputados.

Nestas eleições, o Chega conseguiu alcançar a terceira força política, reunindo 7,15% dos votos, o que se traduz em 12 deputados eleitos para o Parlamento.

A Iniciativa Liberal (IL) subiu também de posição nestas legislativas, 4,98%, e passou a contar com oito representantes parlamentares, enquanto o Bloco de Esquerda (BE), a quinta força política mais votada (4,46%), terá apenas cinco deputados.

Uma das surpresas da noite terá sido o lugar do CDS-PP, que, com apenas 1,6% dos votos dos portugueses, perdeu, pela primeira vez, a sua representação no parlamento desde 1975.

No distrito do Porto, o PS também foi o partido mais votado (42%), seguido do PSD e da IL, respetivamente, com 32,33% e 5,11% das preferências. Posteriormente, ficou o BE, com 4,78%, a CDU com 3,28%, p PAN com 1,7%, o CDS-PP com 1,46% e o Livre com 1,16%.

À semelhança do que aconteceu no país, a abstenção também diminuiu no Porto, em comparação com 2019, sendo que votaram 61,84% dos eleitores inscritos (984.800 votantes), contra os 58,59% (934.379 votantes), em 2019.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sabe-bem-poupar-todos-os-dias/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=27012023-edicao71utm_campaign=sabebem