PUB
Recheio 2024 Profissional

“Oporto Insight”

“Oporto Insight”
Conhecer o Porto de forma intimista

Revelar os segredos da cidade através dos conselhos daqueles que melhor a conhecem é o objetivo da “Oporto Insight”, uma aplicação para dispositivos móveis, disponível para Android e iOS, criada por um casal portuense que decidiu mostrar ao mundo que o Porto tem muitas histórias para contar.

“Descubra lugares mágicos e histórias secretas e guarde no seu coração a mais especial das viagens feita pelo Porto, cidade adorada por aqueles que nela vivem e amada por aqueles que a visitam”. Este é o desafio lançado pelo projeto “Oporto Insight”, que se materializa numa aplicação turística sobre o Porto para smartphones e tablets, com sistemas operativos Android e iOS, em Português, Inglês e, brevemente, em castelhano. Criada por um casal portuense, a ‘app’ pretende funcionar como um guia personalizado que apresenta uma mão cheia de curiosidades e informações úteis da “mui nobre” cidade Invicta.

oporto_ins1Mas mais do que mostrar o Porto, a ideia é conseguir fazê-lo “de uma forma mais intimista”. Assim, “para além da recolha de curiosidades dos principais monumentos da cidade, muitas das quais desconhecidas dos próprios portuenses”, a aplicação móvel, totalmente gratuita, apresenta também comentários feitos por reconhecidas personalidades locais, como o arquiteto Siza Vieira, o futebolista Vítor Baía, o chef Hélio Loureiro e o escritor Richard Zimler. Os turistas interessados nesta “visita guiada” podem descarregar a “Oporto Insight” nos seus países de origem e utilizá-la cá sem qualquer custo, uma vez que a ‘app’ trabalha offline. Segundo informou Paulo Ranito (criador do projeto, juntamente com a esposa, Marta Castelo), até ao momento, a aplicação já foi descarregada em 61 países, num total de cerca de sete mil downloads.

Inovar: a palavra-chave de uma ferramenta para turistas e locais

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

A ideia começou a ser desenvolvida há quatro anos, em Dublin, na Irlanda, onde Paulo e Marta viviam, por questões profissionais. Apercebendo-se do forte marketing criado em torno da capital irlandesa, o casal interrogou-se sobre o facto de o Porto não ter uma divulgação tão intensa no estrangeiro. E estariam, assim, lançadas as bases para o nascimento da iniciativa. De regresso a Portugal, foi tempo de lançar mãos à obra.

Depois de um período de investigação, os portuenses concluíram que a forma mais rápida e eficaz de orientar os turistas nos seus passeios pela cidade seria através de uma aplicação, que acabou por ser desenvolvida pela empresa Appylab. A “Oporto Insight” conquistou também o Departamento de Turismo da Câmara Municipal do Porto que, reconhecendo o potencial do projeto, quis, desde logo, associar-se, disponibilizando, por exemplo, a base de dados do Porto Turismo.

oporto_ins2Para além das sugestões deixadas por figuras intimamente ligadas ao Porto, a ‘app’ desvenda “os melhores spots” da cidade (em termos de alojamento, lazer, restauração e compras), inúmeros roteiros associados, por exemplo, à francesinha, aos azulejos, ao barroco, às camélias e às invasões francesas, contactos de guias-intérpretes e curiosidades sobre os mais diversos locais do Melhor Destino Europeu de 2014.

O feedback do público ao aplicativo está a ser muito positivo e, segundo Paulo Ranito, no futuro, o grande objetivo passará por transformar a “Oporto Insight” num pólo central da informação  da cidade do Porto e numa referência digital do turismo. Através de algumas parcerias, o casal pretende ainda incluir outras ferramentas no projeto, nomeadamente o Instagram e o Twitter, assim como informações sobre eventos e espetáculos.

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem