PUB
Recheio 2024 Institucional

Obras junto ao Clube Fluvial Portuense arrancam amanhã

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
A empreitada, que visa reforçar uma galeria subterrânea, de forma a acabar com os aluimentos de terra, vai durar seis meses.

As obras destinadas a reparar e prevenir os aluimentos que, este ano, vedaram ao trânsito, ao longo de vários meses, uma das ruas junto ao complexo desportivo do Clube Fluvial Portuense, vão arrancar amanhã, sexta-feira.
De acordo com a Câmara Municipal do Porto, a intervenção, da responsabilidade das Águas do Porto, “destina-se a reforçar toda a estrutura da galeria da ribeira desde a zona do colapso, junto ao Fluvial, até à sua foz no rio Douro, mantendo todas as árvores existentes e sem criar complicações acrescidas à circulação automóvel”. Avaliada em 460 mil euros, a empreitada tem um prazo de execução de meio ano, sendo que começou a ser planeada em fevereiro, com as primeiras vistorias “às condições estruturais da galeria” a revelarem “resultados muito preocupantes”. Segundo explicou a autarquia, os aluimentos na rua D. Pedro de Menezes são recorrentes devido a um problema “estrutural” relacionado com a Ribeira da Granja, curso de água subterrâneo e entubado que atravessa o local. “Por essa razão, não se optou por reparar apenas a zona afetada, uma vez que existia o risco de uma nova rutura”, justificou, em comunicado. Desta forma, foi elaborado um projeto de reforço para toda a galeria, com cerca de 200 metros, avaliado pelo Instituto de Construção da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, que acompanhará os trabalhos.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz