PUB
Recheio 2024 Institucional

O melhor do fotojornalismo mundial vai estar na Maia

O melhor do fotojornalismo mundial vai estar na Maia

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O Fórum da Maia vai acolher, de 28 de novembro a 18 de dezembro, a exposição World Press Photo. A entrada é gratuita.

A imagem que retrata migrantes africanos na costa de Djibouti a tentar apanhar a rede de telemóvel da vizinha Somália, onde as chamadas são mais baratas, foi a grande vencedora do 57.º World Press Photo, concurso que premeia os melhores trabalhos de fotojornalismo do mundo. Da autoria de John Stanmeyer, a fotografia intitulada “Signal” (rede), foi captada a 26 de fevereiro de 2013 e publicada na revista National Geographic, onde o autor trabalha.
“É uma foto que está ligada a tantas outras histórias que abre discussões sobre a tecnologia, a globalização, a migração, a pobreza, o desespero, a alienação e a humanidade. É uma imagem muito sofisticada… tão poética e ainda cheia de significado, que transmite questões de grande gravidade e preocupações no mundo de hoje”, declarou um dos membros do júri, Jillian Edelstein.
Organizada em várias categorias – Arte e Entretenimento, Assuntos Contemporâneos, Vida Quotidiana, Notícias Gerais, Natureza, Pessoas nas Notícias, Retratos, Notícias Locais e Desporto -, a exposição de fotojornalismo mostra acontecimentos marcantes que tiveram lugar em 2013, como os atentados na maratona de Boston, a situação no Médio Oriente, o adeus a Mandela.
Esta edição da World Press Photo contou com a participação de 5.754 fotógrafos, de 132 países, que levaram 98.671 fotografias a concurso. A exposição pode ser visitada até 18 de dezembro, de segunda-feira a sábado entre as 09h e as 23h e aos domingos das 10h às 18h.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem