CIN - VinylMatt

“O Julgamento de Ubu” estreia-se no TeCA esta quinta-feira

“O Julgamento de Ubu” estreia-se no TeCA esta quinta-feira

O Teatro Carlos Alberto (TeCA) recebe esta quinta-feira, 7 de outubro, a estreia de “O Julgamento de Ubu”, um espetáculo coproduzido pelo Teatro Nacional São João e pelo Teatro de Marionetas do Porto que estará em cena até ao dia 16.

Partindo da peça homónima criada em 2010, pelo dramaturgo britânico Simon Stephens, o espetáculo integra o 32.º Festival Internacional de Marionetas do Porto (FIMP) e propõe ao público uma “nova demonstração do reinado de Ubu, numa estória contada através da fusão entre a arte da marioneta e a figuração humana”, avançam os promotores.

Trata-se de um “grande encontro artístico”, que visa assinalar uma relação de vários anos entre as duas entidades portuenses. Encenado por Nuno M Cardoso, e traduzido pelo próprio, com a ajuda da escritora Luísa Costa Gomes –, o espetáculo vai contar com “títeres e atores de corpo inteiro”, que, a partir de Ubu (1896), de Alfred Jarry, e da sua sequela, escrita por Simon Stephens, vão promover uma “reflexão sobre a condição humana, tirando proveito de uma personagem que se pode considerar hoje tão atual como à época em que foi criado”.

De regresso “como crítica da economia produtivista”, como indica Nuno M Cardoso no programa de sala do espetáculo, Ubu surge refeito de modernidade, produto de uma sociedade atual, onde impera a sublimação do absurdo do humano. Sem esquecer a saga ubuesca de Alfred Jarry, na primeira parte de “O Julgamento de Ubu”, protagonizada por marionetas, assistir-se-á à ascensão da personagem ao poder; no segundo ato, o protagonismo será cedido a dois atores, que retratam o principal protagonista, após a perseguição e captura de Ubu pelo Príncipe.

Sentado no banco dos réus de um Tribunal Penal Internacional, o rei em fuga será julgado pelo seu passado, marcado pelo crime que o fez subir ao trono e por um reinado voraz, desequilibrado e de contínua traição, lê-se no comunicado divulgado.

Seguir-se-á um jogo de manipulação, onde Ubu questionará e será questionado “sobre a sua tentação e autodestruição, num exercício de consciência coletivo sobre o poder e os seus trâmites, a que o público não pode ficar indiferente”.

“O Julgamento de Ubu” pode ser visto até ao próximo dia 16 de outubro, de quarta-feira a sábado, às 19h00, e ao domingo às 16h00.

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/diga-ola-ao-verao-com-a-sabe-bem/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=sabebem&utm_campaign=sabebem