PUB
Recheio 2024 Institucional

Novas competências do Tribunal de Santo Tirso exigem obras de 250 mil euros

Novas competências do Tribunal de Santo Tirso exigem obras de 250 mil euros
O edifício do tribunal terá de ser alvo de obras, no âmbito das alterações introduzidas à luz do novo mapa judiciário.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

O Tribunal de Santo Tirso vai passar a integrar as instâncias Comércio e Família, no âmbito do novo mapa judiciário, pelo que terá de ser alvo de uma empreitada orçada em 250 mil euros.
Em comunicado, a autarquia tirsense informou que a secção do Comércio abrangerá os concelhos de Gondomar, Valongo, Maia, Matosinhos, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Trofa e Santo Tirso, enquanto a de Família e Menores agrega os municípios da Trofa e de Santo Tirso. Neste momento, a câmara avançou com as despesas relativas ao projeto técnico, estando por definir qual será, na fase de execução, a percentagem de investimento de cada um dos responsáveis: autarquia e Ministério da Justiça.
Os detalhes financeiros ainda estão a ser definidos, depois de um encontro que juntou, na passada sexta-feira, o presidente da câmara tirsense, Joaquim Couto, responsáveis do Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça e representantes da delegação da Ordem dos Advogados.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz