PUB
Recheio 2024 Institucional

Município estuda reabilitação da Foz Velha e de Lordelo

Município estuda reabilitação da Foz Velha e de Lordelo

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
Rui Moreira afirmou esta segunda-feira, durante a Assembleia Municipal, que o processo de reabilitação urbana deverá chegar também à Foz Velha e a Lordelo do Ouro.

O presidente da autarquia portuense, Rui Moreira, adiantou esta segunda-feira à noite, durante a Assembleia Municipal, que o executivo pretende estender a reabilitação urbana à Foz Velha e a Lordelo, reiterando que as freguesias de Campanhã e do Bonfim também não ficarão de fora do processo.
No encontro de ontem foram aprovadas, por unanimidade, três propostas ligadas à reabilitação urbana. A primeira delas passa pela atribuição de incentivos fiscais à reabilitação e à valorização energética, representando uma despesa de 370 mil euros para os cofres municipais. Depois, o segundo projeto altera a delimitação da área de reabilitação urbana do Centro Histórico e o último fixa as áreas de reabilitação criadas para os Aliados, Cedofeita, Bonfim, Miragaia, Santos Pousada e Lapa. No que diz respeito a Campanhã, Rui Moreira sublinhou que “não fazia sentido envolver toda a freguesia numa área de reabilitação urbana”, adiantando que está a ser feito um estudo que prevê uma para Campanhã e outra envolvendo esta freguesia e parte da do Bonfim. E, segundo destacou o autarca independente, “há uma área que tem a ver com a Foz Velha e outra com Lordelo do Ouro”. “Não podemos olhar para esta questão apenas numa perspetiva de isenções fiscais”, referiu.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile