Santander Escolhas 2

Pavilhão Multiusos de Gaia pronto em 2022

Pavilhão Multiusos de Gaia pronto em 2022

O executivo da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia aprovou, na reunião de segunda-feira, a proposta que prevê a abertura do concurso público internacional para a construção de um pavilhão multiusos na zona dos Arcos do Sardão, num investimento que ronda os 8,5 milhões de euros.

“O equipamento, com uma área bruta de implantação superior a 3.500 m2, terá características que permitirão aliar a prática e a formação desportivas à realização de eventos e ficará localizado junto à Estrada Nacional 222, entre a rua Arcos do Sardão e a avenida Vasco da Gama”, lê-se na página oficial da autarquia.

Segundo a Câmara Municipal, estão incluídos no projeto áreas técnicas e para a prática desportiva, estacionamento, uma zona para balneários, camarins, palco, sala de imprensa, gabinete médico e de controlo antidoping, entre outros, salientando que “no que se refere à prática desportiva, o pavilhão terá capacidade para acolher jogos de futebol de salão, andebol, basquetebol e voleibol”.

“Este novo pavilhão deve funcionar como um polo para a realização de eventos em toda a região, potenciando a nossa atratividade. Apresenta-se como sendo complementar ao centro de congressos e à rede de equipamentos desportivos do concelho, sendo o único que se apresenta como multiusos”, explicou o presidente, Eduardo Vítor Rodrigues.

Em declarações aos jornalistas, no final da reunião camarária, como escreve o Jornal de Notícias, o autarca apontou que “o prazo de obra será de cerca de dois anos”, isto depois de um concurso “de nove ou 10 meses”, motivo pelo qual estima que o pavilhão “seja para o próximo mandato”. “Estamos a falar de um equipamento adaptado para ser uma grande sala de eventos. Era, e é, um compromisso meu e de mandato, mas os ‘timings’ são o que são. Inauguração em 2022 e fica para o próximo mandato e para quem ganhar esse mandato”, reforçou.

De acordo com Eduardo Vítor Rodrigues, a lotação do pavilhão, para espetáculos, deverá rondar as três mil pessoas e, como recinto desportivo, terá capacidade para ultrapassar os 800 espectadores, uma vez que o palco e as bancadas serão amovíveis.

“Queremos um equipamento arquitetonicamente bonito, simples e marcante porque está localizado em frente à N222, por onde passam muitas pessoas e, com isto, queremos afirmar um novo tempo, com um urbanismo de qualidade”, concluiu o presidente, na nota divulgada no portal de notícias Câmara Municipal.

Foto: CM Gaia

PUB
www.pingodoce.pt/responsabilidade/premio-literatura-infantil/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_campaign=pli