Junta da Galiza

Mil figurantes desfilam trajos populares em Guimarães

Mil figurantes desfilam trajos populares em Guimarães

O espetáculo conta com um milhar de figurantes provenientes de todas as regiões do país, sendo que os participantes organizam, em palco, uma sequência de quadros (Montanha, Rio, Campo, Serão, Mar, Feira, Domingo, Noivos e Romaria), centrados no período entre 1890 e 1910. Será ainda complementado por uma tocata de 50 músicos vimaranenses e pelos cenários digitais do artista João Martinho Moura a invadir as fachadas do Largo do Toural, questionando as (in)comunicabilidades da Etnografia e do Folclore e da Arte Digital. Esta é a primeira atividade do programa PopArt, integrado em Tempos Cruzados, e tem como objetivo valorizar – através do palco internacional que é a Capital Europeia da Cultura – o trabalho desenvolvido pelos grupos de etnografia e folclore de Guimarães. Tradição, vanguarda e tecnologia interligam-se num projeto que valoriza o património cultural imaterial local, nacional e internacional.
PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/sabe-bem-poupar-todos-os-dias/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=27012023-edicao71utm_campaign=sabebem