PUB
Sogrape - Mateus Rosé

Metro do Porto revela que há 11 consórcios aptos a construir as novas linhas

Metro do Porto revela que há 11 consórcios aptos a construir as novas linhas

A Metro do Porto revelou, na terça-feira, existirem 11 consórcios pré-qualificados para construir as novas linhas da empresa, sendo sete deles destinados à Linha Amarela e seis à Linha Rosa.

Na página oficial da empresa lê-se que os júris dos concursos para as empreitadas de expansão da rede do Metro do Porto apresentaram já os respetivos relatórios preliminares, tendo sido “consideradas aptas” sete empresas e consórcios no âmbito do Concurso Limitado por Prévia Qualificação para Empreitada de Execução da Extensão da Linha Amarela desde Santo Ovídio a Vila d’Este, incluindo o Parque de Material. Já para no concurso relativo à execução da Linha Rosa, Aliados/Praça da Liberdade – Casa da Música,ficaram aptos seis consórcios.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Segue-se, agora, um período “para audiência prévia” que possibilitará a apresentação de questões e de eventuais reclamações. Numa fase seguinte, a Metro do Porto convidará “as empresas pré-qualificadas a apresentarem a respetiva proposta de preço”.

Recorde-se que os dois concursos correspondem a um investimento global na ordem dos 300 milhões de euros. Segundo a Câmara Municipal do Porto, a extensão da Linha Amarela tem um custo de 95 milhões de euros e prazo de execução de 34 meses, enquanto a Linha Rosa, cujo valor é de 175 milhões de euros, é de 42 meses.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile