PUB
Santander Saúde

Matosinhos: Centro de Investigação Aeronáutica abre em junho

Matosinhos: Centro de Investigação Aeronáutica abre em junho

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O equipamento arrancará com 200 funcionários, de 11 nacionalidades. A longo prazo, o número de postos de trabalho poderá chegar aos 350.

O Centro de Investigação Aeronáutica (CEA), em Matosinhos, deverá estar a funcionar até ao final de junho, empregando já 200 pessoas de 11 nacionalidades diferentes, segundo adiantou o presidente da autarquia local, Guilherme Pinto. O autarca independente, que visitou, esta terça-feira, a fase final das obras, informou que o investimento privado foi de 37 milhões de euros, tendo os terrenos sido cedidos pela autarquia por 50 anos, sem custos para o promotor. Dividido em dois edifícios, o centro de investigação terá quatro áreas de atividade: engenharia e desenvolvimento, área de realidade virtual, unidade de testes e workshop/pilot plant, e fará estudos aeronáuticos, nomeadamente na vertente de investigação, fabrico de protótipos, ensaios e experimentação. Para Guilherme Pinto, o equipamento assinala “o regresso a Matosinhos de atividades que não são exclusivamente comerciais ou habitacionais”, permitindo “dinamizar a economia local, gerando emprego qualificado e promovendo o empreendedorismo”.
Segundo indicou Paulo Sanches, diretor do projeto do CEA, o número de postos de trabalhos criados poderá, a longo prazo, subir para os 350.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz