PUB
Recheio 2024 Profissional

Manuela Azevedo (Clã) anima miúdos e graúdos no TeCA

Manuela Azevedo (Clã) anima miúdos e graúdos no TeCA
“Fazer das tripas canção”

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

“Era uma vez um eu que tinha quase mil anos mas ainda não tinha chegado aos dez (…)”
“Era uma vez um eu que queria conversar com gente crescida de assuntos crescidos”
“Eu tinha medo de esquecer para sempre as vozes das pessoas que amava porque já sabia que somos mortais. Então antes de adormecer, tentava recordar as falas dos mortos e reter na mente as falas dos vivos”.
Regina Guimarães

E porquê o espetáculo “Fã”? Qual a relação?
É simples…. segundo Regina:
“Na verdade, a relação é toda e tudo é relação: primeiro os fantasmas estão à nossa volta e lembram-nos que há muitas vidas na vida; segundo, os fantasmas querem ser amados como as estrelas do céu e as estrelas da terra, isto é querem fãs; terceiro, a voz é a melhor amiga dos homens e não é necessário passeá-la como os cães. Etc”
fa2Trata-se de um espetáculo delicioso para miúdos e graúdos, onde a magia entra de forma espontânea. Ninguém consegue deixar de ser “fã” deste espetáculo.
Enfrentar medos, seguir sonhos ir pelo caminho do amor e ouvir a nossa “voz” são passagens importantes desta obra.
A jovem talentosa Maria Quintelas interpreta a insegura Sabina que quer ser actriz e cantora. No entanto, enfrenta um grande obstáculo: ela mesma. O medo pode ser cortante, e revelar-se uma decisiva e importuna “sombra”. A verdadeira “sombra” do seu eu e não o simpático e apaixonado fantasminha Luca, interpretado por João Monteiro.
Um teatro assombrado? A priori sim. Mas bem povoado, num ambiente familiar, descontraído em que todos os presentes, em comunhão, puderam saborear conceitos como a amizade e o amor, sempre basilar, tal como o ar que respiramos.
Manuela Azevedo dispensa apresentações. Continua a ter “asas nos pés” e a “voar bem alto”, sobretudo no que respeita a encantar miúdos e graúdos. É que ninguém ficou indiferente a este “admirável mundo novo”.
Caso para dizer: missão cumprida!
Em cena no Teatro Carlos Alberto.
PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile