PUB
CIN - Branco Perfeito

Investigadores do ISPUP integram projeto internacional para reduzir mortalidade materna e infantil em África

Investigadores do ISPUP integram projeto internacional para reduzir mortalidade materna e infantil em África

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
O “MOMI – Missed Opportunities in Maternal and Infant Health” está centrado na melhoria da prestação de cuidados de saúde no período pós-parto.

Dois investigadores do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP) estão integrados num projeto internacional que visa contribuir para a redução da mortalidade materna e infantil em África, nomeadamente em Moçambique, Quénia, Malawi e Burquina Faso. Intitulado “MOMI – Missed Opportunities in Maternal and Infant Health”, o trabalho, que está, agora, na sua fase de implementação no terreno, pretende combater as taxas de mortalidade materna e infantil em África, através da melhoria da prestação de cuidados de saúde no período pós-parto.
De acordo com o ISPUP, o MOMI é “baseado na hipótese de que há várias oportunidades perdidas no que concerne aos cuidados de saúde prestados na altura do parto e do pós-parto. Estas oportunidades perdidas verificam-se em situações facilmente preveníveis e que de outra forma são geralmente causadoras de mortes, tais como hemorragias ou infeções (no caso das mães) ou em complicações surgidas de partos prematuros”. Os investigadores pretendem, assim, centrar-se num conjunto de intervenções focadas no período pós-parto e na saúde dos recém-nascidos e até ao seu primeiro ano de vida.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile