RECHEIO 50 ANOS

Inquérito VIVA!: Maioria dos leitores sente-se bem com o teletrabalho

Inquérito VIVA!: Maioria dos leitores sente-se bem com o teletrabalho

Há mais de um ano que a maioria dos trabalhadores portugueses trocaram o trabalho presencial pela experiência do teletrabalho. Impulsionados pela pandemia de covid-19, alguns fizeram-no por obrigação, tendo em conta as medidas impostas pelo Governo para combater a disseminação do vírus, e outros por opção própria. 

Volvidos mais de 12 meses sobre a implementação da obrigatoriedade do teletrabalho em Portugal, a VIVA! procurou saber qual a opinião dos leitores em relação a esta questão. Será que estes se sentem bem com a experiência de trabalho remoto ou prefeririam voltar aos escritórios e ao contacto direto com os colegas? 

Os resultados obtidos no inquérito, bastante participado, mostram que a maioria dos leitores (60,9%) se sente bem em trabalhar a partir de casa. Destes, 53.8 por cento dizem sentir-se completamente bem com este regime, enquanto 7,1 por cento assume sentir-se bem, mas com algumas condicionantes.  

Para 39,1 por cento dos inquiridos, o teletrabalho não está a ser uma experiência interessante.  

De referir que, pelo menos, até ao final do mês de maio, o teletrabalho é obrigatório em território continental, para funções compatíveis com este regime.  

A partir de junho, a obrigatoriedade poderá variar em função de uma avaliação de risco nos diferentes concelhos e regiões, mas também dos níveis de vacinação. 

PUB
www.pingodoce.pt/campanhas/sabor-do-mes/?utm_source=cm&utm_medium=banner&utm_term=leaderboardmobile&utm_content=peixe&utm_campaign=sabordomes