PUB
Philips S9000

Indoor na Casa da Arquitectura com arquitetos de referência nacional e internacional

Indoor na Casa da Arquitectura com arquitetos de referência nacional e internacional

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
A Casa da Arquitectura – Centro Português de Arquitectura recebe, nos próximos dias 9 e 10 de março, um seminário sobre os vários poderes com a presença de nomes de referência da arquitetura nacional e internacional que estão representados na exposição “Poder Arquitectura”.

São arquitetos de várias proveniências que trazem até ao Porto experiências de países como o Sri Lanka, Brasil, Suíça, Hungria, Itália, Bangladesh, Reino Unido, Dinamarca e Portugal.
Integrado no Please Share! – programa com curadoria de Roberto Cremascoli, que entra agora no seu Ato4 – o Indoor apresenta uma série de debates envolvendo arquitetos e gabinetes de renome internacional representados na mostra “Poder Arquitectura”, que arrancou aquando da inauguração da Casa da Arquitectura e se prolonga até ao próximo 18 de março.
Refira-se que a exposição “Poder Arquitectura”, comissariada pelos arquitetos Jorge Carvalho, Pedro Bandeira e Ricardo Carvalho, ocupa os 800 metros quadrados da Nave Expositiva com uma proposta de reflexão “em torno de oito poderes que se alinham, infletem e divergem entre si, nomeadamente o Poder Coletivo, Poder Regulador, Poder Tecnológico, Poder Económico, Poder Doméstico e Poder Mediático”, aponta nota enviada às redações.
A inscrição, paga e limitada aos lugares disponíveis: um dia 10 euros; dois dias 15 euros, pode ser efetuada através do site www.casadaarquitectura.pt. Caso ainda haja bilhete disponíveis, estes podem ser adquiridos no próprio dia na bilheteira da CA.
De acrescentar que nos dias do seminário, 9 e 10 de março, a exposição “Poder Arquitectura” está encerrada a visitas. A Galeria da Casa está de portas abertas com a exposição “A Casa da Democracia: entre Espaço e Poder”, sobre a forma como se cruzam a transformação arquitetónica do Palácio de São Bento e a evolução política de Portugal, patente até 15 de abril.

PUBLICIDADE