PUB
Philips S9000

Hospital de São João nega suspensão de medicamentos para o cancro

De acordo com o Conselho de Administração da referida unidade hospitalar, “a aquisição do medicamento para o cancro (Cetuximab) não foi suspensa por não haver alternativa terapêutica”. A entidade nega, assim, a notícia avançada pelo “Diário de Notícias”, segundo o qual 143 doentes com cancro e esclerose teriam sido obrigados a trocar de medicação devido a um corte no fornecimento daqueles fármacos.
A mesma nota de imprensa refere que “o C. H. São João vai proceder judicialmente contra quem proferiu afirmações falsas” em relação à entidade.

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem