PUB
Recheio 2024 Institucional

Hospital de São João cria “via verde” para doentes com tumor na bexiga

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
Os doentes que revelem sintomas que possam ser interpretados como os primeiros sinais da doença passam a poder recorrer a uma consulta aberta, destinada a acelerar o diagnóstico.

O Hospital de São João, no Porto, inaugurou esta sexta-feira uma espécie de “via verde” para os tumores da bexiga, de modo a garantir que os doentes com sintomas tenham uma consulta e, em caso de necessidade, sejam operados no prazo de um mês. “O que pretendemos é fazer um diagnóstico rápido dos tumores da bexiga, isto é, perante um doente que tem sintomas que podem ser interpretados como os primeiros sinais da doença (sangue na urina) não o deixar à espera muito tempo até ao diagnóstico”, explicou o diretor do Serviço de Urologia do hospital, Francisco Cruz.
O especialista sublinhou ainda que o diagnóstico “passa pela realização de um exame endoscópico (cistoscopia), que permite olhar para o interior da bexiga do doente”. “Em vez de esperarmos o pedido através do médico de família, que demora sempre tempo, temos agora uma consulta aberta para que qualquer doente, com qualquer suspeita, que chegue ao hospital via médico de família ou via urgência seja imediatamente orientado”, referiu.
De acordo com Francisco Cruz, se os tumores na bexiga forem detetados a tempo, “a taxa de sobrevida a cinco ou dez anos é excelente, acima dos 80%”. “Globalmente, os tumores da bexiga são aqueles que menos melhoraram ao longo dos anos e as melhorias em termos de números de sobrevida resultaram mais do facto de a qualidade da cirurgia ter melhorado do que propriamente da inovação dos métodos de tratamento”, notou o especialista.

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem