PUB
Recheio 2024 Institucional

Harmos continua a “servir” concertos à hora de almoço na Câmara do Porto

Harmos continua a

Os melhores alunos de algumas das melhores escolas superiores de música do mundo vão estar pelo Porto e por mais três concelhos, até 24 de março, sábado, na 12ª edição do Harmos, o único festival internacional de música de câmara na Europa para escolas de música e um dos mais relevantes projetos artísticos e culturais, organizado pela Esmae – Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo, do Politécnico do Porto.

O Harmos marca a diferença pelos concertos que promove à hora de almoço, nos paços do concelho, da Câmara Municipal do Porto, às 13 horas, esta quinta e sexta-feira.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Este exercício de confrontação de alunos portugueses com estudantes internacionais “tem trazido frutos importantes, porque ajudou a perceber que a formação em Portugal está ao nível de escolas de excelência no estrangeiro”, considera o diretor artístico do Harmos, Bruno Pereira, que recorda ainda o facto do Harmos “ter meia dúzia de pessoas na assistência há 12 anos atrás e atualmente a procura supera a capacidade dos espaços”.

A descentralização, como um dos grandes objetivos deste festival, tem como missão “a promoção da coesão, em que, quer grandes cidades, quer localidades nem sempre na rota dos eventos artísticos, possam aceder a uma oferta comparável”, revela nota enviada às redações.

Este princípio de alargar a mais franjas da população a música de câmara pode “estancar o desinvestimento nesta área, que tem provocado o desaparecimento de orquestras”, argumenta Bruno Pereira.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile