PUB
Recheio 2024 Institucional

Guilherme Pinto atribui pelouro à CDU sem coligação

Guilherme Pinto atribui pelouro à CDU sem coligação

O autarca reeleito explicou que atribuiu o pelouro da mobilidade e transportes ao vereador José Pedro Rodrigues pelo facto de a CDU “ter manifestado uma postura construtiva” e de Matosinhos ter de ser uma “pluralidade”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

O presidente reeleito da Câmara de Matosinhos, Guilherme Pinto, entregou o pelouro da mobilidade e transportes ao vereador eleito pela CDU, José Pedro Rodrigues, assegurando, contudo, não se tratar de uma coligação pós-eleitoral mas sim de uma “convergência de trabalho”. Em declarações à Lusa, o autarca, que concorreu como independente contra o seu antigo partido, o PS, justificou a atribuição da mobilidade e transportes ao vereador comunista pelo facto de a CDU “ter manifestado uma postura construtiva” e de Matosinhos ter de ser uma “pluralidade”. Guilherme Pinto explicou, assim, que o acordo “não tem a ver com o reforço da maioria mas sim com a disponibilidade para trabalhar”. “É uma perspetiva de explorar mais as convergências do que as divergências”, resumiu. De salientar também que o pelouro das Finanças, Atividades Económicas, Modernização Administrativa e Regeneração Urbana ficou nas mãos do número dois da lista do autarca, Eduardo Pinheiro, o do Ambiente, Urbanismo e Planeamento e Polícia Municipal entregue a Joana Felício e o da Cultura, Turismo, Património, Relações Públicas e Contra-ordenações a Fernando Rocha. Correia Pinto mantém a Educação, tendo ainda a tutela dos Recursos Humanos, Conservação do Espaço Público e Qualidade 100%. A nova vereadora Lurdes Queirós assume a Ação Social, Proteção Civil e Juventude.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile