CIN

Greve Geral: CGTP acusa Governo de intimidar trabalhadores

Greve Geral: CGTP acusa Governo de intimidar trabalhadores

Em entrevista à Lusa, o sindicalista afirmou notar-se “um certo nervosismo do Governo, quando procura intimidar os trabalhadores, nomeadamente no setor dos transportes, com a deslocação de esquadrões da polícia de choque para determinados locais”. De acordo com o responsável, foram registadas situações que classifica como “inadmissíveis” em “algumas estações da Carris”. “Parece-nos que isto é, mais uma vez, uma forma de intimidar e de pôr em causa o direito à greve”, lamentou.
Arménio Carlos revelou ainda que os piquetes de greve estavam, ao início da manhã, “nos seus locais de trabalho para sensibilizar os trabalhadores, mas acima de tudo para os apoiar a resistir contra as intimidações dos patrões”. Para já, o balanço feito pelo sindicalista é “extremamente positivo”, com adesões à greve entre os 80% e os 100%. O setor da saúde, por exemplo, é um dos que regista uma adesão significativa, assim como a área de recolha de lixos sólidos, com paralisações “praticamente totais em grande parte dos municípios do país”.

PUB
www.pingodoce.pt/produtos/take-away/encomendas/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_campaign=encomendasta&utm_term=banner&utm_content=050121-encomendaschef2021

Viva! no Instagram. Siga-nos.