PUB
Junta da Galiza

Governo formaliza Banco de Medicamentos

Integrada no Programa de Emergência Social (PES), a medida visa “combater o desperdício de medicamentos que nunca entram no circuito comercial”, destinando-se a apoiar sobretudo os idosos. “Promoveremos que os medicamentos existentes na indústria farmacêutica – e que, por causa das regras legais, seis meses antes do [termo do] seu prazo de validade já não podem entrar no circuito comercial – possam ser utilizados pelos mais idosos”, avança o documento do PES. De acordo com o Governo, há que recordar que a alternativa à doação daqueles medicamentos seria a sua destruição, pelo que, “numa altura em que muitos idosos não conseguem suportar as suas despesas com medicamentos” será importante aproveitá-los “e acabar com o desperdício”. O Programa de Emergência Social esclarece ainda que a distribuição dos fármacos será feita em “locais próprios e credenciados nas instituições sociais, com salvaguarda das regras legais de segurança”.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem