PUB
Philips S9000

Governo afirma não estar a pedir “nenhum esforço especial” à Lusa

Governo afirma não estar a pedir

, explicando que está por concluir o contrato que definirá esse serviço no próximo ano e que a decisão de haver ou não despedimentos caberá à administração. “Não está em causa o futuro da Lusa, apenas o contrato de prestação de serviços cujo objeto ainda não se encontra completamente estabelecido nesta data”, avança o chefe de gabinete do ministro Miguel Relvas, numa resposta a um requerimento do grupo parlamentar do PS. De salientar que os deputados socialistas tinham questionado, no mês anterior, o ministro com a pasta da comunicação social sobre os cortes financeiros na Lusa, pretendendo saber se a decisão foi antecedida de algum estudo sobre os seus “impactos reais” no serviço prestado pela agência.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem