PUB
Recheio 2024 Institucional

Gaia: primeira fase do projeto “Encostas do Douro” está concluída

Gaia: primeira fase do projeto “Encostas do Douro” está concluída

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR
A intervenção, orçada em dois milhões de euros, incluiu a construção de um passadiço ciclo-pedonal de 550 metros em madeira entre o Cais de Quebrantões e o Jardim do Areinho de Oliveira do Douro.

A primeira fase do projeto “Encostas do Douro”, voltado para a requalificação da frente fluvial de Gaia, vai ser inaugurada esta sexta-feira, com música e um espetáculo pirotécnico. O primeiro momento da obra, no Areinho de Oliveira do Douro, representou um investimento de dois milhões de euros.
“Temos 18 quilómetros de costa de rio que queremos reabilitar como o que fizemos no passado com a costa de mar”, referiu o presidente da autarquia gaiense, Eduardo Vítor Rodrigues, revelando estar já programada uma classificação das Encostas do Douro como paisagem protegida. O projeto municipal – que visa a valorização, em termos paisagísticos, ambientais, económicos e sociais, dos 18 quilómetros de costa de rio – remonta a 2010, mas as obras só arrancaram dois anos depois, estando agora concluída a primeira fase.
Num investimento de 2,2 milhões de euros, comparticipados em 1,4 milhões por fundos comunitários, a requalificação passou pela construção de um passadiço ciclo-pedonal de 550 metros em madeira entre o Cais de Quebrantões e o Jardim do Areinho de Oliveira do Douro, “o qual suporta também o coletor-emissário de águas residuais domésticas”. “Foi instalada uma rede de iluminação pública em toda a área de intervenção, tornando este espaço convidativo à fruição pública, mesmo durante o período noturno”, referiu a autarquia.
A câmara frisou igualmente que já estão programadas uma intervenção no Areinho de Avintes, orçada em 1,5 milhões de euros, e a reabilitação da Escarpa da Serra, com a criação de percursos pedonais e ciclovias a ligar a Ponte Luiz I e a Ponte D. Maria Pia.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/novo-ano-nova-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=cpc&utm_campaign=sabebem&utm_term=leaderboardmobile