PUB
Recheio 2024 Institucional

FuturePlaces quer continuar a pôr os ‘media’ ao serviço dos cidadãos

FuturePlaces quer continuar a pôr os 'media' ao serviço dos cidadãos
Entre os dias 15 e 18 de outubro, a cidade do Porto vai acolher a sétima edição do FuturePlaces, uma espécie de “medialab para a cidadania” com atividades e palestras de acesso gratuito. Da programação do evento fazem parte palestras e debates com a diretora para a Liberdade de Expressão Internacional da Electronic Frontier Foundation, Jillian York, e a responsável legal da Creative Commons, Diane Peters.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

Em declarações à Lusa, o diretor do FuturePlaces, Heitor Alvelos, explicou que, este ano, a iniciativa apresenta quatro dias de atividades na tarefa de “pôr os ‘media’ ao serviço dos cidadãos”. “É o nosso mote de sempre e todos os anos encontramos formas novas de o desenvolver”, frisou. Para o professor da Universidade do Porto, há dois obstáculos principais na ligação entre os cidadãos e os meios de comunicação social no campo digital: “Desde logo uma espécie de convicção tácita de que os ‘media’ digitais são matéria para especialistas”, ou seja, que “o primeiro obstáculo são as expectativas das pessoas”, afirmou. Por outro lado, sublinhou que há também uma “espécie de expectativa de que os ‘media’ digitais servem para um consumo de produção alheia”, sem que deem espaço para a criação própria, sendo exemplo disso as partilhas em redes sociais como o Facebook.
De referir que as atividades do FuturePlaces decorrem em diversos espaços do Porto, entre a Associação Cultural Sonoscopia e o Passos Manuel, durante a noite, e o Pólo de Indústrias Criativas (PINC) do UPTEC durante o dia.

PUBLICIDADE

PUB
www.pingodoce.pt/pingodoce-institucional/revista-sabe-bem/uma-pascoa-saborosa-com-a-sabe-bem/?utm_source=vivaporto&utm_medium=banner&utm_term=banner&utm_content=0324-sabebem78&utm_campaign=sabebem