PUB
PD-Bairro Feliz

Federação de Dadores apela à dádiva de sangue

Federação de Dadores apela à dádiva de sangue

As reservas nacionais de sangue estão “em níveis preocupantes” e a Federação Portuguesa de Dadores Benévolos de Sangue (FEPODABES) apela aos portugueses para aumentarem as dádivas.

“De acordo com os dados disponibilizados pelo Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) no portal www.dador.pt, diversos grupos sanguíneos apresentam reservas nacionais inferiores a sete dias, nível considerado preocupante para dar resposta às necessidades dos hospitais portugueses”, diz a FEPODABES, em comunicado.

“O inverno traz sempre consigo uma baixa nas reservas, motivada pelo frio e pela gripe, mas este ano temos a pandemia do Covid-19, que fez baixar os níveis de sangue para níveis preocupantes”, explica Alberto Mota, presidente da FEPODABES.

A Federação apela assim a todos os dadores saudáveis, nomeadamente os mais jovens, a doarem sangue e desta forma ajudarem a salvar vidas.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

“A dádiva de sangue está prevista nas exceções ao confinamento, pelo que é muito importante que os portugueses não desmobilizem e continuem a dar o seu contributo”, refere Alberto Mota.

Todos os cidadãos com mais de 18 anos, que tenham mais de 50kg e que sejam saudáveis podem dar sangue.

A informação sobre os locais oficias de recolha de sangue está disponível no site da Federação e no portal www.dador.pt.

PUBLICIDADE

PUB
PD- Revista Sabe bem