PUB
CMPorto

FAP e CASA preparam iniciativas nas áreas da sexualidade e dos afetos

FAP e CASA preparam iniciativas nas áreas da sexualidade e dos afetos

Informação, formação, apoio e prevenção são as áreas de atuação do projeto “infap”, que oferecerá apoio aos estudantes do ensino superior do Porto.

PUBLICIDADE - CONTINUE A LEITURA A SEGUIR

A Federação Académica do Porto (FAP) e a associação CASA (Centro Avançado de Sexualidades e Afetos) assinaram, recentemente, um protocolo de colaboração que dará origem ao projeto “infap”, destinado a oferecer apoio aos estudantes do ensino superior nas áreas da sexualidade e dos afetos. Em comunicado, o vice-presidente da CASA, Diogo Vieira da Silva, explicou que o projeto “pretende ir ao encontro do caráter multifacetado das necessidades da comunidade estudantil, encontrando-se subdividido em quatro vertentes específicas de atuação: informação, formação, apoio e prevenção”. Cada uma das áreas proporcionará diferentes iniciativas, permitindo aos alunos que escolham aquelas que melhor se adequam às suas necessidades. Na vertente da informação estão previstos debates e conferências; na área da formação, por sua vez, haverá cursos de formação em temas específicos das sexualidades e dos afetos, nomeadamente “Jornalismo e Sexualidades”, “Sexualidades e Envelhecimento Ativo”, “O Educador e a Sexualidade da Criança”, “O Desportista e as Sexualidades” e “Sexualidades e Deficiências”. No âmbito do apoio, ambiciona-se uma intervenção mais direta e específica nas problemáticas apresentadas pelo público-alvo. Assim sendo, a associação CASA disponibilizará a toda a comunidade académica o seu serviço de consultas, em quatro vertentes: Medicina, Sexologia, Psicologia e Direito. Por fim, a vertente da prevenção prevê a organização de campanhas temáticas, em determinadas datas relevantes.

PUBLICIDADE

PUB
PD-Bairro Feliz